Como viajar com o seu pet

Como viajar com o seu pet

10 de novembro de 2016 Postado por Sem categoria 0 comentários em “Como viajar com o seu pet”

Você gosta de viajar? Quer levar seu pet? Como viajar com o seu pet? Está com medo de deixá-lo cansado, estressado ou colocar sua segurança em risco?  Saiba que com alguns cuidados é tranquilo viajar na companhia do melhor amigo é, sim, uma opção viável e que pode se tornar agradável tanto para você, quanto para ele.

Caso você decida viajar com o seu pet, é importante antes de viajar, seja de carro, ônibus ou avião, conversar com seu veterinário. O ideal é que ele  o examine para ter certeza de que está tudo ok. O profissional poderá indicar medidas preventivas para que seu bichinho não passe mal durante o trajeto, evitando possíveis enjoos.

E lembre-se: certifique-se das regras a serem seguidas. Independente do meio de transporte é sempre exigido que seu pet esteja com todas as vacinas até sua idade em dia e tenha uma ficha de avaliação da saúde autorizada por um veterinário. É perigoso transportar animais doentes por um longo período de tempo. Dependendo do meio de transporte as regras de como viajar com seu pet podem ser diferentes de um lugar para o outro, informe-se.

Viagem de carro com cães e gatos

A forma mais segura de se viajar com cães e gatos, é garantindo que eles estejam presos. Assim, em casos de freadas bruscas ou colisões, os bichinhos estarão protegidos. Para cães de até 10kgs, uma ótima opção são os assentos. Eles ficam presos pelo cinto de segurança do carro e o animal fica preso ao assento pela coleira. Para cães que pesam mais de 10kg, o cinto de segurança para cães é o ideal. Ele irá garantir que o cachorro ficará seguro e confortável durante a viagem.

Outra opção muito comum também são as caixas de transporte. As caixas de transporte e bolsas de transporte estão disponíveis em diferentes tamanhos, formatos, cores e materiais.

Porém, se seu bichinho não estiver acostumado a utilizá-la, é importante que você introduza a caixa ou bolsa de transporte no dia a dia do animal antes da viagem. Passeie algumas vezes com o pet dentro da caixa e a deixe pela casa para que ele possa acostumar-se. Assim, ele não se sentirá desconfortável e com medo na hora de viajar dentro da caixinha.

Viajando de ônibus com animais

Informe-se com a companhia de transporte rodoviário de quais as medidas necessários que você deve tomar para transportar o seu pet. Porque nem todas as empresas de ônibus permitem o transporte de animais. As que permitem podem ter regulamentos diferentes de uma para outra.

Você deve informar-se, e se necessário comprar as passagens, com antecedência porque algumas empresas permitem um número muito limitado de transporte de animais por viagem. A vacinação e a saúde do bichinho devem estar sempre atestadas por um veterinário, e ele deve ser colocado dentro de uma caixa de transporte própria. É bom se alertar das exigências da empresa, a maioria só permite animais de pequeno porte, e algumas exigem controle do animal por sedação, se necessário.

Viajando de avião com animais

Todas as companhias aéreas permitem o transporte de animais, mas como ele vai acontecer vai depender da política da empresa. Algumas companhias só permitem o transporte de animais no compartimento de carga próprio para isso, e normalmente há um número limitado. Outras aceitam que o animal vá ao lado do dono, dentro da caixa de transporte e em segurança.

Procure se informar sobre as taxas necessárias a serem pagas, algumas empresas exigem o pagamento dessas taxas com antecedência. A apresentação da avaliação da saúde do pet é indispensável, assim como possíveis remédios para controlar ansiedade e enjoos. A sedação de animais em viagens de avião é proibida.

Existem algumas companhias que rejeitam o transporte de certas raças por questão de segurança, então, antes de decidir pela passagem mais barata, consulte a política da empresa para ter certeza que seu pet poderá ir junto.

Após saber as regras das companhias de viagens e as dicas de como viajar com seu pet, prepare tudo com antecedência, verifique se as vacinas estão em dia, procure a caixa de transporte ideal para ele. Se a viagem for muito longa, é indicado que a caixa seja grande o suficiente para o animal poder se virar dentro dela e sentar, para não ficar desconfortável. Vale lembrar de que você pode perguntar ao seu veterinário sobre a alimentação ideal para o seu pet durante as viagens.

Se você preferir, o animal pode portar uma mala, com os objetos que costuma usar na sua rotina (pote de comida e água, cama, caixa com areia, cobertor, coleira, guia, comidas, toalha e brinquedos. E a carteira de vacinação e medicamentos de uso contínuo também não podem ser esquecidos.

Ainda não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Este campo é obrigatório!

<small>Você poderá utilizar estes <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags e atributos:<br> <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>