controlar latidos de cachorro Emporium Pet Store

Como identificar os motivos e controlar o excesso de latidos do seu cachorro?

19 de maio de 2016 Postado por Sem categoria 0 comentários em “Como identificar os motivos e controlar o excesso de latidos do seu cachorro?”

Latido pra cá, latido pra lá, é o do vizinho ou até mesmo o do seu cãozinho. Os latidos em excesso são responsáveis por reclamações constantes da vizinhança, e ás vezes podem gerar até desentendimentos. Devemos ficar atentos para saber quais os motivos que levam o cães a este comportamento.

Os cães se comunicam na maior parte do tempo por linguagem corporal, mas os latidos também fazem parte da sua comunicação. É importante identificar o porquê, quando e quais os principais estímulos que os levam a latir em excesso.
No geral os latidos em excesso vêm de um acúmulo de energia e da sensibilidade aos estímulos externos, como o barulho da campainha, carros e motos na rua, conversa entre pessoas desconhecidas e até outros cães passando em frente ao portão.

Principais motivos que estimulam o excesso de latidos:

  • Acúmulo de energia
  • Barulhos que o cão não identifica
  • Deixar o cachorro sozinho por longos períodos
  • Tentativa de chamar a atenção do dono
  • Presença de pessoas estranhas

O acúmulo de energia faz com que os cães gastem suas energias latindo. Desta forma ele libera a ansiedade e a frustração, e os latidos acabam sendo auto recompensantes para ele, isto é, toda vez que ele ficar ansioso ou frustrado, sabe que pode se aliviar latindo.

Maneiras de acalmar o cachorro:

  • Caminhar com o cão regularmente, pelo menos duas vezes ao dia.
  • Se o caso do latido for para chamar a atenção, evitar o contato, o carinho, não falar e não dar o que ele deseja. A falta de “recompensa” pode fazer esses latidos diminuírem.
  • Procurar estimular as atividades físicas e mentais.
  • Criar regras e ensinar o cão a não desenvolver hábitos errado, como latir excessivamente sempre com a chegada de visitas, por exemplo.
  • Criar um limite entre a casa e o portão, caso o cachorro lata no portão sempre que alguém passar.

Enfim, é a repetição de pequenas atitudes que podem tornar o convívio com nossos mascotes muito mais agradáveis. Tenha persistência e não desista, pois as respostas costumam demorar um pouco mas sempre acabam vindo.

Tags: , , ,

Ainda não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Este campo é obrigatório!

<small>Você poderá utilizar estes <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags e atributos:<br> <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>